Caso alguma imagem do blog não esteja aparecendo, por favor, avise nos comentários da postagem em questão!

26/08/2015

Coisas de Escritora - Pontos de vista, comentários e preconceitos

Alados meus, desde que publiquei o "Doce Sonho Alado", tenho recebido uma enxurrada de opiniões distintas sobre a minha obra (tá legal, não foram exatamente o suficiente para formar uma enxurrada, mas pelo menos uma garoa já serve). Existem aqueles que acham que os personagens que criei são espertos demais para a idade, outros julgam-nos adequados considerando os dias de hoje. Há quem tenha amado o clima escolar e suave que criei, mas outros detestaram. Já me deparei com resenhas super sensíveis de blogueiros que conseguiram entender perfeitamente a mensagem que quis passar com a história, e outros que não foram tão profundos mas se divertiram mesmo assim.
Isso é inevitável na vida de um escritor, pois cada pessoa pensa de forma diferente, tem gostos mais e menos apurados, algumas pessoas acumulam mais conhecimentos enquanto outras apenas reparam o óbvio. Essa diversidade é muito legal pois nos permite identificar qual é o mercado que nosso livro mais atrai, sem contar que ajuda muito para criarmos boas obras futuras, já que assim podemos discernir os erros e acertos até chegar a um nível mais apurado.
Agora, uma coisa que atrapalha (e irrita bastante) são os comentários de pessoas que não chegaram a ler nem ao menos um parágrafo do livro e já se acham no direito de ir criticando qualquer coisa. Até entendo comentários sobre a capa do livro (mudei as capas dos meus por causa disso, inclusive), porém, fico revoltada porque em pleno século XXI ainda existem pessoas que dizem que não tem a mínima vontade de ler o livro por causa da capa (já vi até alguns que gostaram da sinopse mas dizem que não vão ler por causa da capa). Porém, infelizmente não é apenas nesse quesito que as pessoas pecam: muita gente já afirmou categoricamente que não leria o meu livro só porque a minha protagonista é uma criança. É uma coisa muito triste, pois já tive casos de blogueiros que não gostam muito de protagonistas jovens demais e mesmo assim curtiram bastante o DSA.
O jeito é tentar não dar muita atenção às pessoas que não sabem opinar do jeito certo e tentar se basear mais apenas na opinião dos leitores mais experientes. Um comentário preconceituoso machuca um pouco, eu sei bem. Não há forma de evitá-los, apenas de aprender a conviver com eles e não destruir toda uma carreira por causa de simples palavras. Sei que é uma tarefa árdua, mas é o preço que precisamos pagar para construirmos bem os nossos "filhos de papel".

es·cri·tor |ô|
substantivo masculino

1. Autor de obras literárias ou científicas (com relação ao estilo, à forma que emprega).

escritor públicoLiterato de profissão.

"escritor", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, http://www.priberam.pt/dlpo/escritor [consultado em 25-06-2015].
1. Autor de obras literárias ou científicas (com relação ao estilo, à forma que emprega).

escritor públicoLiterato de profissão.

"escritor", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, http://www.priberam.pt/dlpo/escritor [consultado em 25-06-2015].
Espero que tenham gostado do texto de hoje! Não posso deixar, é claro, de terminar o post convidando a todos a conhecer os meus livros, os links deles estão na seguinte página:


Estou contando com o apoio de todo mundo. Mesmo que você não esteja em condições de comprá-lo, uma divulgação já é muito bem-vinda!

Para ler mais "Coisas de Escritora", clique aqui.

Beijinhos Alados,
0 Comentários
Comentários

Comente!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts relacionados