Caso alguma imagem do blog não esteja aparecendo, por favor, avise nos comentários da postagem em questão!

06/07/2015

Livro - O Hobbit

Desta vez li um livro físico de capa dura em português mesmo, alados, mas a todo instante fiquei pensando como deveria ser o enredo em inglês... hehe. Depois que lemos alguns livros em suas línguas originais, é praticamente impossível não preferir sentir a intenção do escritor, pois quando se traduz um texto muitas vezes é preciso adaptá-lo para que os leitores entendam, e nem sempre fica tão bom quanto deveria ser... Enfim, vamos logo para o livro em si, que é o que interessa!

O Hobbit, J. R. R. Tolkien:

Obviamente, já assisti à trilogia baseada neste clássico, e é impossível não comparar um pouco, só que desta vez acho que a adaptação de Peter Jackson ficou à altura do livro. Jamais direi que ficou melhor, até porque a escrita de Tolkien tem todo aquele teor mais mágico, sem falar dos poemas e detalhes que seriam impossíveis de se ver na telona, incluindo vários trechos que foram omitidos; porém, também não deixei de perceber que muitas coisas do filme complementam a beleza da história. Os fãs mais extremistas vão alegar que o filme acrescentou coisas que Tolkien jamais narrou, mas, ao meu ver, cabe a cada um separar as duas coisas, pois são formas de arte completamente diferentes. Não dá para fazer uma competição, são apenas duas ótimas formas de contar a mesma história fantástica.
Nesse exemplar somos agraciados também com várias ilustrações feitas pelo próprio Tolkien, que conferem um ar ainda mais sentimental enquanto acompanhamos as aventuras de Bilbo, Thorin, Gandalf e cia, mas nada que nos impeça de imaginar nossa própria Terra Média, é claro.
Quanto à trama em si, o foco principal é a amizade, além de vários ensinamentos sobre a ganância, sobre as consequências de atos impensados e sobre como podemos evitar guerras se nos dispusermos a ajudar, entender e cooperar com os povos diferentes. É inevitável não ficar apaixonada pela fantasia criada por Tolkien, tanto por sua suavidade quanto pela adrenalina que ele acrescenta a cada parte da jornada. De fato, não temos apenas um grande ápice no final, mas também alguns eventos empolgantes no caminho até o fim da história.
Não me recordo de ter encontrado algum ponto negativo (se tem, é tão sutil que não consegui notar), mesmo os pontos em que o autor "apressou" a história contribuíram para que ela não ficasse cansativa. No fim das contas, é muito difícil falar sobre um livro clássico, pois eles são sempre de tão boa qualidade que não nos resta nada além de recomendá-lo às pessoas que gostem de leituras do tipo. E se você é apaixonado por uma boa fantasia, considere essa obra como leitura obrigatória!

Não percam as minhas próximas opiniões, trarei ótimas obras!

Para ler todas as minhas opiniões sobre os demais livros que já li, clique aqui.

Para conhecer os meus livros, clique aqui.

Beijinhos Alados,
0 Comentários
Comentários

Comente!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts relacionados