Caso alguma imagem do blog não esteja aparecendo, por favor, avise nos comentários da postagem em questão!

26/06/2015

Coisas de Escritora - Todo mundo quer ser ou pensa que é escritor

O que define um escritor, alados meus? Quando uma pessoa pode declarar que é um escritor de fato? Quem acompanha este quadro desde o início sabe que durante muito tempo deixei claro que ainda não me considerava plenamente uma escritora, e mesmo hoje ainda tenho minhas inseguranças, sei que não sou a melhor e que ainda tenho muito a aprender, tenho público minúsculo e tento a sorte na publicação independente, que não é uma coisa pela qual uma pessoa pode se gabar.
Na minha opinião, "escritor" deveria ser um título de honra reservado apenas para as pessoas que fazem da escrita uma arte. Para mim é algo que tem a ver com paixão, com um caráter de pertença ao mundo da literatura. Entretanto, assim como várias coisas, ultimamente este atributo tem sido descaradamente banalizado. A pessoa escreve uma coisa qualquer, consegue publicar de alguma forma e "puf!", todo mundo já vai falando que fulano é um verdadeiro escritor.
O problema é que muita gente (principalmente as mais orgulhosas) deseja passar a própria vida para o papel, ou mesmo passar as suas ideias para determinado público. Algumas editoras (espertas e mercenárias) aproveitam as histórias de pessoas famosas, ou priorizam obras polêmicas para lucrar cada vez mais. É esse tipo de coisa que enchem as prateleiras e atraem o grande público, a massa alienada que compra os livros apenas quando tem certeza de que todos estão lendo. Isso dói muito, sabe? Tem muita gente boa realmente tentando escrever obras primas que nunca terão admiradores simplesmente por causa de um preconceito besta.
Pode ser que eu seja hipócrita por estar dizendo isso? Não sei, minha opinião seria eternamente suspeita. Leia os meus livros e julgue você mesmo. Ainda assim, mesmo tirando de lado o fato de que estou tentando ser lida, continuo me preocupando como simples leitora e amante da literatura como um todo. Sei que gosto é gosto, pode ser que eu não goste de um clássico renomado apenas por não ser meu tipo de leitura favorita, mas precisamos rever a diferença entre autor publicado e escritor. Queria eu poder fazer uma grande campanha para salientar isso, já está mais do que na hora de mudar essa visão deturpada e, principalmente, ajudar o povo brasileiro a dar mais valor aos verdadeiros artistas!

es·cri·tor |ô|

substantivo masculino

1. Autor de obras literárias ou científicas (com relação ao estilo, à forma que emprega).


escritor públicoLiterato de profissão.

"escritor", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, http://www.priberam.pt/dlpo/escritor [consultado em 25-06-2015].
1. Autor de obras literárias ou científicas (com relação ao estilo, à forma que emprega).


escritor públicoLiterato de profissão.

"escritor", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, http://www.priberam.pt/dlpo/escritor [consultado em 25-06-2015].
Espero que tenham gostado do texto de hoje! Não posso deixar, é claro, de terminar o post convidando a todos a conhecer os meus livros, os links deles estão na seguinte página:


Estou contando com o apoio de todo mundo. Mesmo que você não esteja em condições de comprá-lo, uma divulgação já é muito bem-vinda!

Para ler mais "Coisas de Escritora", clique aqui.

Beijinhos Alados,
2 Comentários
Comentários

2 comentários:

  1. Olá,
    definição complicadíssima neh?
    Realmente quem simplesmente escreve sua vida acho que não deveria ser considerado escritor, mas é.

    Para mim escritor é quem ama escrever, mesmo conseguindo ou não publicar os textos, de forma independente ou com uma grande editora. Quem ama o que faz deveria ter este título de honra.

    bjos
    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Sheila!

    Interessante seu texto! Realmente, hj em dia as editoras se importam mais com o que dá mais dinheiro... Por isso apostam mais em livros estrangeiros do que investem em literatura nacional... Mas tb não podemos culpá-los, eles precisam ganhar o deles tb... Fico feliz que hj em dia é mto mais fácil ser autor independente, fazemos um trabalho de formiguinha conquistando um leitor por vez, mas é mto gratificante! Acho que isso é um verdadeiro escritor, quem está ali próximo de todo o processo de escrita. =)

    Bjs!
    CarinaPilar.com | ...e a paixão pelos livros!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts relacionados