Caso alguma imagem do blog não esteja aparecendo, por favor, avise nos comentários da postagem em questão!

02/02/2015

Quero assistir Doctor Who... E agora?

Alados queridos, hoje publicarei um guia de utilidade pública de extrema importância... só que não... Hehehe. Não é a primeira vez que falo aqui no DSA sobre o seriado britânico Doctor Who, e há enormes possibilidades de que não seja a última. Hoje ajudarei todos aqueles que se sentem compelidos a adentrar nesta grande aventura além do tempo e espaço e não sabem muito bem como as coisas funcionam, andam "boiando no vortex". Ah, preciso avisar que nem todos gostarão do estilo dos episódios dessa série, mas que aqueles que são apaixonados pela ficção científica tem 90% de chances de morrer de amores pelo Doutor.
Antes de começar, entretanto, preciso explicar para os iniciantes que o seriado "se divide" basicamente em duas partes:
  • A série clássica ou "Classic Who", que abrange vinte e sete temporadas e um filme; tendo oito atores diferentes no papel principal ao longo dos episódios (oito Doutores diferentes);
  • A série atual ou "New Who", que contém (até a data presente) oito temporadas; tendo cinco atores diferentes no papel principal ao longo dos episódios (idem).
Acho que é isso o que você precisa saber por enquanto, se eu começar a falar mais detalhes vou explodir sua mente antes mesmo que você comece a assistir. Então, a pergunta do dia é: por onde eu começo, sendo que há mais de uma possibilidade de introdução à trama? Bom, eu indico que você tente todas elas, não desista antes de seguir todos os passos do "tutorial" a seguir:

Tentativa óbvia nº 1 - Comece pelo começo da New Who:

Vamos começar pelo caminho mais óbvio e o que mais recomendo: começar pelo episódio "Rose", o primeiro da temporada de estreia da fase mais recente de Doctor Who. Você pode encontrar essa temporada facilmente em DVD ou online (em meios legais e ilegais), em arquivos dublados e legendados (só que legendado é melhor para que você possa apreciar os lindos sotaques *.*).
Foi assim que comecei a assistir, mas sinto informar que minha primeira impressão não foi das melhores, considerei o episódio "Rose" apenas levemente interessante à primeira vista, embora tivesse me encantado já de cara com o Doutor. Minha dica para os padawans principiantes é a seguinte: assista a pelo menos cinco episódios antes de tomar qualquer decisão drástica. Quando dei uma segunda chance, não me arrependi. Talvez o mesmo aconteça com você, por que não?

Tentativa nº 2 - Comece pela 5ª temporada da New Who:

Embora não seja canônico, muitos preferem começar pela quinta temporada da série atual, quando entra em cena o Décimo Primeiro Doutor. Eu, particularmente, creio que esse caminho faz com que parte da magia do enredo seja perdida. Ainda assim, pode ser que pessoas que gostam de séries com uma pegada mais "moderninha" ou "teenager" se identifiquem mais com essa parte da história. Entretanto, peço encarecidamente que você aceite meu conselho amigo e depois volte para assistir ao nono e décimo doutores. Muitos episódios épicos serão perdidos se você simplesmente ignorar para sempre as quatro temporadas anteriores.

P.S.: Só recomendo que você comece pela segunda ou pela oitava temporada se você já souber alguma coisa sobre Doctor Who. Embora ame de paixão o Tenth e o Eleventh, sei muito bem que o começo deles na série não são compreendidos com muita facilidade por um principiante.

Tentativa nº 3 - Comece pelo primeiro arco do primeiro Doutor:

Embora seja difícil encontrar pessoas que gostem de filmes e seriados antigos, pode ser que no seu caso essa tentativa funcione. O primeiro arco de Doctor Who ("arcos" são espécies de grandes episódios com um só tema divididos em partes de 20 minutos), chamado "An Unearthly Child", foi ao ar pela primeira vez em 23 de Novembro de 1963. Saiba desde já que você se deparará com gravações apenas em preto e branco até o terceiro Doutor, os efeitos especiais são simples e os atores tem aquela atuação mais exagerada que era comum antigamente. Se você é do tipo que se importa com o visual e não com a história em si, não vai se dar bem com a Classic Who. Na minha opinião, a qualidade das histórias de cada arco são muito boas, todos são bastante interessantes e nunca me deixaram com tédio. Mas se você não gostar, paciência, ainda temos umas opções de sobra...

P.S.: Você pode encontrar os episódios clássicos legendados no site UniversoWho.org. Eles nunca foram dublados, não adianta procurar.

Tentativa nº 4 - Experimente cada Doutor:

Uma outra estratégia válida é a de assistir a episódios soltos de Doutores diferentes, talvez você se identifique com algum deles. Peça ajuda para seus amigos Whovians (fãs de Doctor Who), descubra com eles alguns episódios que você possa assistir sem precisar saber muito sobre a série. Infelizmente, hoje não tenho muito tempo para listar minhas sugestões, peço que me perdoem por isso.


Tentativa para Bookaholics - Leia "Doctor Who: Shada":

Embora seja baseado em um arco da clássica, "Doctor Who: Shada", da editora Suma de Letras, é um livro que pode ser apreciado até por aquelas pobres almas que acham que DW é uma série de medicina... hehehe. Se você é leitor compulsivo, vale a pena tentar. Para mais informações sobre este livro, clique aqui.

Se você realizou todas as opções anteriores e ainda não virou um fã, somos obrigados a concluir que não é um seriado para entrar na sua lista. No fim das contas, gosto é gosto: cada um tem o seu, e o mundo seria um lugar bem melhor se todos respeitassem o alheio.

Para ler mais postagens sobre Doctor Who, clique aqui.

Espero que meu "tutorial" tenha sido útil, não esqueça de comentar se ele deu certo!

Beijinhos Alados,
2 Comentários
Comentários

2 comentários:

  1. Vou tentar utilizar alguma dessas tentativas. A mais óbvia de todas elas eu até tentei, mas não deu muito certo. Já vi tantas séries mais interessantes (estou falando sobre efeitos visuais), que a primeira temporada do Doutor deixou a desejar - na minha opinião, claro. Mas tenho fé (ainda) na série, por isso, irei optar por uma das outras alternativas que você sugeriu. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu querido Lucas, esta é uma séria em que devemos fechar os olhos para efeitos visuais... ela pega pela emoção e os ótimos roteiros. Olha vc sempre vai se surpreender com os finais... tenta assistir "Vincent and the Doctor" (Vincent Van Gog) é a quinta temporada, eposódios 10. Vc vai entender e vai se emocionar.....

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts relacionados