Caso alguma imagem do blog não esteja aparecendo, por favor, avise nos comentários da postagem em questão!

22/09/2014

Coisas de Escritora - Como fazer personagens cativantes?

Há um tempão atrás, alados, fiz uma postagem sobre personagens. Aliás, esse foi o primeiro assunto abordado no "Coisas de Escritora". Naturalmente, acabei falando de uma forma mais superficial, até porque era a primeira vez que falava sobre o mundo da escrita aqui no blog. Hoje, porém, farei quase que um tutorial para os escritores, dando dicas para que seus personagens não sejam aguados ou que todos pareçam iguais.
A primeira dica que eu dou é algo que costumo chamar de "Teoria Power Rangers". Ela consiste, essencialmente, em associar uma "cor" a cada personagem (mas não precisa ser literalmente uma cor, pode ser alguma roupa, acessório, mania, tique, forma de falar, etc). Durante a escrita, você vai adicionando elementos que remetem diretamente a cada um dos personagens, de forma que o leitor possa rapidamente decorar quem é quem. Sabe, colocar uma característica marcante para destacar cada um como um indivíduo diferente. Mas não se esqueça de que não pode haver outro personagem com a mesma "cor", cada um precisa chamar atenção com seu jeitinho particular.
Outra dica que eu posso citar é que todo personagem precisa ter necessariamente características boas e ruins. Nunca faça um heroizinho que é praticamente um santo de tão bom, nem um vilão que não tenha também um lado humano, nem que seja bem disfarçado.
Pessoas reais podem ser uma boa inspiração para seus "bebês", mas não se esqueça de que a ficção precisa ter cara de ficção também. Misture um pouco deles com personagens que você gosta, com outras pessoas, personalidades que admira e até com pedacinhos de você mesmo, porque não?
Muitas pessoas por aí afirmarão que o melhor é sempre fazer personagens que a maioria dos leitores gostam, os clichês aclamados pelo público. Eu já digo que o melhor mesmo é variar bastante. Nenhum formato pré-definido irá conquistar 100% dos que lerem sua trama, mesmo os mais amados não agradam a todos.
Para terminar, preciso dizer que não é tão legal ter apenas um personagem cativante em um livro inteiro, ou poucos deles. Tente criar vários que você ache que irão chamar a atenção, diversifique bastante, sem nunca esquecer de manter a personalidade de todos constante. Depois de conseguir montá-los do jeito certo, você verá que eles ganharão "vida própria", e escrever suas aventuras será um processo bem mais natural do que você pensava.

Espero que tenham gostado da reflexão de hoje! Não posso deixar, é claro, de terminar o post convidando a todos a conhecer o meu livro "Doce Sonho Alado", os links dele estão na seguinte página:


Estou contando com o apoio de todo mundo. Mesmo que você não esteja em condições de comprá-lo, uma divulgação já é muito bem-vinda!

Para ler mais "Coisas de Escritora", clique aqui.

Beijinhos Alados,
1 Comentários
Comentários

Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts relacionados