Caso alguma imagem do blog não esteja aparecendo, por favor, avise nos comentários da postagem em questão!

25/06/2014

Por que amamos o Doutor? (Doctor Who)

Alados meus, hoje teremos, aqui no DSA, uma conversa interessantíssima sobre o seriado britânico Doctor Who, que vocês sabem que reina na minha preferência atual. Já publiquei postagens sobre a minha paixão pelo seriado em si, expliquei porque o Doutor é o melhor personagem de todos os tempos, mas ainda não tinha publicado nada sobre os motivos que nos fazem ficar perdidamente apaixonados por esse alienígena nada convencional.
Como esse assunto não é exatamente fácil de ser explicado, resolvi pedir a ajuda de alguns companheiros whovians (para quem não sabe, é assim que chamamos os fãs de Doctor Who) que fazem parte do grupo do Facebook conhecido simplesmente como "Doctor Who Brasil", o melhor que conheci até agora. Começarei a postagem com a minha opinião pessoal e depois colocarei as opiniões que consegui coletar até a tarde de ontem. Espero que todos gostem e que deixem também seu comentário! Allons-y!

Por que eu, Sheila, amo o Doutor?

Vocês já devem saber que ainda sou uma whovian recente, comecei a assistir a série desde o início do ano passado quando surgiu um "buraco" entre as séries que eu acompanhava pela internet. Estou assistindo aos episódios com calma (aliás, ainda nem falei que já comecei a assistir aos episódios do Second e do Eleventh), sou do tipo que prefere ir "degustando" a história com cuidado, para que não acabe rápido demais.
Enfim, já declarei aqui no blog que poucos são os protagonistas que conseguem fazer a façanha de me encantar, geralmente acabo gostando mais dos personagens secundários mais peculiares ou do próprio vilão. Porém, desde o início percebi que o Doutor tinha tudo que eu gostava: é um mocinho, mas não do tipo aguado e implacavemente seguidor das regras; é inteligente e sempre nota os detalhes que ninguém mais nota; é humilde, mas não deixa de ter seu grau de orgulho (alguém pode me explicar como isso é possível?); é meio louco e não deixa de nos presentear com "pérolas" mesmo nas horas mais tensas; é imprevisível, faz escolhas e arquiteta planos que nós nunca conseguiríamos prever com antecedência; ama aventuras, simplesmente não consegue ficar parado num canto; não consegue ficar indiferente quando se depara com qualquer ser vivo que realmente necessite de sua ajuda... São tantas as perticularidades desse Senhor do Tempo que acho que teria que escrever um livro inteiro para poder descrevê-lo com precisão!
Outra coisa que me fascina é a capacidade dele de conquistar nosso coração mesmo com outros rostos. Tecnicamente, era para nos sentirmos como se fossem treze Doutores completamente diferentes, mas quando vemos suas regenerações, só conseguimos pensar: "É ele, o mesmo de sempre". Tanto que nem nos surpreendemos quando o vemos citar aventuras que aconteceram em regenerações passadas.
Chego, portanto, a conclusão de que esse amor existe simplesmente porque encontramos nele tudo aquilo que desejamos que um herói tenha, mas também muito daquilo que podemos encontrar dentro de nós mesmos. É um misto de admiração e empatia. Todo bom fã sabe que não importa se ele é jovem, velho, moreno, loiro, grisalho (ruivo ainda não... hehehe) e etc. Ele é o Doutor. O nosso Doutor. Nenhuma outra explicação é necessária. #ProntoFalei

Por que os Whovians amam o Doutor?

Yasmin de Carvalho
Idade: 20 anos
É whovian há: desde a infância

Sou whovian desde a infância, meu pai que também é whovian, ele colocava a série para que eu assistisse. Meu Doctor preferido é o 5th (Peter Davison), mas o motivo para que eu ame tanto esse personagem, o Doutor, é a sua bondade, seu amor pelo desconhecido, que o faz viajar simplesmente para ver todas essas coisas acontecerem. Ele não é um héroi por escolha, mas o amor que ele tem por tudo que acontece no Universo o torna um. Ele é gentil, alegre e carismático, e tem uma carga emocional gigantesca, pela perda de seus companions através dos anos. Vê-los morrer parte o coração dele, e é por isso que muitas vezes ele os abandona, para não vê-los envelhecer e morrer. Ele é especial por isso, pelo amor que tem pelas pequenas coisas, e poder ajudar a protegê-las. É por isso que eu amo o Doutor, porque ele é um homem louco viajando em uma caixa azul, simplesmente para ver o Universo.

Nota de rodapé: parte "o coração" ou "os corações" dele, Yasmim? Hehehehe...

Wellington César Júnior
Idade: 16 quase 17
É whovian há: desde que começou a passar na TV Cultura

Você pode até achar meio engraçado, mas sou whovian desde que começou a passar na TV Cultura, no início mesmo, e mesmo depois de levar quase três semanas assistindo o clássico para poder entender um pouco melhor a série, foi paixão a primeira vista


Müller Gonçalves Soares
Idade: 18 anos
É whovian há: desde meados de 2012 

Porque gosto do Doutor? Essa é complicada... O Doutor não tem superpoderes. O Doutor não usa armas. O Doutor utiliza-se apenas de seu cérebro para enfrentar todos os tipos de coisas.
Outra coisa que gosto no Doutor é que ele sempre muda, a cada regeneração ele é um cara diferente. Claro que sempre tem uma encarnação que a gente se identifica. Mas, mesmo mudando sempre, ele ainda consegue nos conquistar.

Ana Clara Iunskovski Mendonça

Idade: não informada
É whovian há: dois anos e meio
 
Sou whovian há dois anos e meio, eu amo o doutor porque ele, além de ser lindo, inteligente e saber resolver qualquer problema; ele é brinhante e fantástico. E "geronimo" é minha última palavra.

Luna Pina

Idade: 13 anos
É whovian há: pouco tempo
 
Eu me tornei whovian recentemente, embora já tivesse algum conhecimento da série há muito tempo, pelo meu irmão. Ele às vezes costumava ver algum episódio, e eu aproveitava para ver também; então decidi começar a ver a série 1 do "New Who", por volta do fim de abril/início de maio. Eu acho que me tornei whovian durante a primeira temporada, e o meu amor por Doctor Who foi crescendo e crescendo à medida que via a série. Hoje sou completamente viciada.
O Doctor é a pessoa mais complexa e mais incrível que alguém pode encontrar. É carismático, divertido e engraçado, porém profundamente marcado pela Última Grande Guerra do Tempo. Eu não poderei falar sobre todas as suas encarnações, porque só conheço a 9ª, a 10ª e a 11ª; mas apenas com eles, acho que conseguirei explicar.

O 9º doctor ainda estava profundamente marcado pela guerra, o que fez com que ele sentisse uma grande necessidade de manter o Universo seguro — e principalmente a Terra. Embora a primeira temporada tenha sido mais fraca do que as que se seguiram, principalmente em efeitos especiais, eu gostei bastante dela. Tem também um dos meus episódio preferidos: "The Empty Child/The Doctor Dances". O 10º Doctor é talvez o meu Doctor preferido, embora também adore o 11º. No entanto, é com o Doctor do David que o meu coração bate mais forte. Eu fiquei um pouco desiludida quando o Christopher Eccleston, que representava o 9º Doctor, saiu no final da primeira série, e estava um pouco apreensiva quando o David Tennant entrou no seu lugar; mas é impossível não nos apaixonarmos pelo 10º Doctor. Divertido, espôntaneo e sarcático, o 10º Doctor conseguiu representar todas as facetas do Doctor. Mesmo que durante quase toda a sua vida ele tenha sido uma pessoa aparentemente feliz, no final dela ele nos demonstrou o quanto a guerra o tinha marcado, mostrando-nos o seu lado mais escuro. Por isso o 11º Doctor foi um "balde de água fria" para nós, whovians, quando entrou. Carismático e engraçado, ele tinha quase sempre um sorriso no rosto e era capaz de nos manter divertidos por horas e horas. Com isto, eu quero dizer que o Doctor era uma pessoa que, embora profundamente triste e magoado, nunca deixava que os seus companheiros ficassem como ele, escondendo-se atrás de uma cara feliz. O Doctor é uma das pessoas mais especiais que eu já "conheci", pois ele demonstra como nós temos que conseguir seguir em frente, mesmo nos momentos mais escuros; pois viver é uma coisa magnífica, que devemos aproveitar ao máximo, pois nunca sabemos quando o fim está próximo. E é por isso que eu o amo

Nota de Rodapé: Luna, compartilhamos praticamente a mesma preferência de Doutores! Depois dê uma olhadinha na "Homenagem de Quinta" que fiz para o Tennant, você vai ver como a minha experiência foi quase igual à sua... hehehe.

Pedro Souza
Idade: 13 anos
É whovian há: mais ou menos 2 anos

Tenho 13 anos, mais ou menos uns 2 anos de "Whovianismo" (Mas faz um tempão que eu não assistia, mais ou menos um ano, então fiquei que nem louco procurando sites pra assistir online, e achei! Estou no episódio 3 da primeira temporada (Os Mortos Inquietos))
Porque eu amo o Doutor? Ah, porque ele consegue ser engraçado, meio assustador rsrs (nos episódios iniciais da Rose, eu cagava de medo de algum manequim pular em cima de mim; ainda tenho) e também porque a idéia de DW é muito criativa, sabe? Uma caixa de telefone maior por dentro! Isso é muito incomum! A ideia de viagens no tempo sempre me fascinou e eu adorei quando a TV Cultura começou a passar. Outra coisa que eu sempre me deixou fascinado também é como as companions (é assim que se escreve? Rssr) e os Daleks, aqueles encardidos nunca morrem!

Agnaldo Leandro Jr.
Idade: 13 Anos
É whovian há: Aproximadamente 8 meses

Eu gosto dele pois ele é como se fosse um herói só que não propositalmente,ele salva planetas a troco de nada.




Julia Chaves
Idade: 25 anos
É whovian há: não informado

Meu nome é Julia Chaves, eu tenho 25 anos e moro em Los Angeles, Califórnia, desde outubro de 2011. Eu me mudei pra cá porque me casei com um escritor, e ele não tinha muito tempo disponível para ficar comigo, pois estava terminando o seu livro. Eu passava muito tempo sozinha no meu quarto, vendo qualquer coisa no Netflix, e qual foi a minha grata surpresa quando eu vi meu primeiro episódio de Doctor Who! Era o primeiro episódio do nono Doutor, e ele só precisou dizer uma palavrinha: "Run!", eu me apaixonei. Desde então, quando eu estou meio cabisbaixa, eu vou "correr" com o Doutor. O casamento acabou, mas eu sempre vou ser uma whovian, porque "bowties are so very cool"... Geronimo!


Ricardo Sousa
Idade: 18
É whovian há: 6 meses

Eu amo o Doctor por uma série de motivos. O principal é por ele ser um cara fantástico. O seriado em si é muito inteligente, com poucas falhas e muito cativante. Eu gostei muito do que assisti até agora, e não vejo a hora de assistir a nova temporada.


Karina Fernandes
Idade: 15 anos
É whovian há: 9 ou 10 meses

Eu amo o Doctor porque nada é impossível para ele, e ele sempre está disposto a ajudar quem precisar, e não pede nada por isso. O Master, os Daleks, os Wepping Angels, Silents, Sontarans, Slitheens e mais um monte de outros alienígenas horrendos e cruéis não foram suficientes para acabar com ele ou fazer com que ele deixasse de proteger a Terra. Então, por isso e muitas outras coisas, eu amo o Doctor ♥

Essas foram as opiniões dos whovians! Agradeço a todos os que participaram, sem dúvida foi uma experiência única conhecer o ponto de vista de vocês!!! E que venham novas conversas entre fãs de Doctor Who no futuro, por que não?

Para ler mais postagens sobre Doctor Who, clique aqui.

E você, também conhece o Doutor? Também o ama? Por quê? Não deixe de comentar sua opinião!

Beijinhos Alados,
1 Comentários
Comentários

Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts relacionados