Caso alguma imagem do blog não esteja aparecendo, por favor, avise nos comentários da postagem em questão!

19/11/2013

Os blogs morrem? E quando eles morrem?

Os blogs morrem?
Alados, quando eu escrevi a "Carta de um blog infeliz" (uma das postagens que mais fez sucesso aqui no DSA), comecei a refletir que um blog é quase um bichinho virtual. Nós precisamos alimentá-los com postagens novas, vesti-los com novos templates, limpá-los (tirando todo o lixo de postagens erradas), se preocupar com o peso deles (pois blogs com muitos gadgets são mais difíceis de serem acessados), arranjar novos amigos com parcerias e outras cuidados especiais.
A pergunta do post de hoje é, entretanto, se um dia eles podem ser considerados como mortos e, caso possam ser, o que faz com que eles morram.
Convido-os também a dar uma passada no meu Tumblr, que é a galeria do livro "Doce Sonho Alado". Acabei de fazer um update com uma amostra do desenho que está vindo por aí, não deixem de conferir:


Os blogs morrem? E quando eles morrem?

A resposta´para essa pergunta que parece ser mais óbvia é que os blogs morrem quando eles são hackeados. Eu também cogitei esta afirmação, mas logo me lembrei de que um blogueiro pode ter um backup do seu cantinho, e fazer com que ele continue vivendo em outra plataforma ou até na mesma. Ele não mudaria completamente, pois seria o mesmo, teria o mesmo conteúdo.
Para chegar à resposta certa é preciso, em primeiro lugar, pensar no que é mais necessário para um blog estar "vivo". O primeiro elemento básico é evidente: o blogueiro. É por meio do blogueiro que as postagens surgem, ele mantém o diário virtual estruturado e atualizado. O blogueiro seria, portanto, o cérebro do blog.
O segundo elemento essencial são os leitores. São eles que estimulam o blogueiro a seguir em frente, que garantem a interatividade, que ajudam o blogueiro a aperfeiçoar seus textos. Comparo os leitores, portanto, ao coração.
Sem o blogueiro, o blog continuaria existindo? De certa forma sim, desde que ele não delete seu espaço da web. Os leitores continuarão visitando, comentando nele, movimentando-o de certa forma; o blog apenas não será renovado. Seria uma espécie de morte cerebral: o coração continua batendo mesmo depois da falência do cérebro.
E se, de repente, os leitores sumissem completamente, não visitassem o blog; ele deixaria de existir? Não necessariamente, desde que o blogueiro continue postando. É claro que é mais difícil para um blogueiro viver sem seus leitores do que vice-versa; mas ainda assim um blog pode continuar se o dono perseverar, mesmo que precise nadar contra a corrente.
Partindo desses princípios, chego à conclusão de que o blog morre apenas quando duas partes desistem dele: o blogueiro e o leitor, simultaneamente. O blog só morre quando some completamente da internet, e ninguém mais se lembra e se importa com ele.
Por isso, termino este pequeno texto dizendo para todos os blogueiros que cada um possa evitar a morte do seu blog. Não arranque dele o cérebro ou o coração, cuide bem do seu cantinho para que ele possa retribuir de alguma forma; seja com algumas amizades, com ganhos monetários ou simplesmente com o prazer de construir algo que você ama.

E vocês, concordam? Acham que um blog pode morrer? E quando isso acontece? Preciso da opinião de vocês, afinal de contas, vocês são o coração do DSA!!!

Beijinhos Alados,
3 Comentários
Comentários

3 comentários:

  1. Tem tanta gente só criando página no face, e esquecendo do blog. Uma pena.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  2. Infelizmente tem muitos blogs mortos por ai. Não gosto de pensar na morte dos blogs porque gosto muito deles. Continue ai sendo o cérebro que eu fico aqui sendo o coração. Bjus!

    ResponderExcluir
  3. é... Infelizmente acho que blogs podem sim morrer... Mas a questão é.. porque cada um faz blogs por motivos diferentes... Meu caso por exemplo> Sempre tive diários todo santo ano! Não consigo viver sem escrever... Vou passando pensamentos em folhas e depois passo tudo a limpo... Dava um trabalho!!!
    Agora ficou muito mais fácil ..! Fora que a natureza agradece com menos folhas né.... Apesar que não sei se compensa tanto já que energia também a consome..!
    Bem, voltando no caso dos blogs.. Eu penso que depende o motivo da pessoa ter um blog. Se a pessoa pretende ganhar dinheiro com ele é um trabalho de pesquisas e trocas de seguidores e tal...
    Já pesquisei sobre isso e não me vejo com essa vontade de ganhar $ em cima disso, pra mim é mais um hobby, uma fuga.. Em diário ninguém lia e agora tomo um pouco mais de cuidado com as palavras porque tem gente de tudo que é tipo e com cabeças e sentenças diferentes de julgamentos e gosto de explicar tudo pra que não tenha má interpretações nos meus posts.
    Bem, acho que me expressei o suficiente. Mas .. querendo ou não.. criar uma rotina de escrever uma vez por semana ou algumas no mês é interessante para se cuidar do seu blog e não deixá-lo morrer.
    Apesar que uma vez jogado na internet nunca morrerá.. Pode não ter muitos acessos... Mas morrer creio que não, sei lá.
    Como percebes... Tenho minhas dúvidas.
    Um abraço, adorei seu blog! Tenho que aprender alguns truques pra por no meu blog, hehe
    me visite se puder.
    Escrevo de tudo mesmo! Sou bem eclética,... não sigo uma lógica de falar só sobre moda.. .ou só sobre mim... ou só sobre assuntos polêmicos,,... Escrevo de tudo e o que tem a ver comigo... Geminiana... é isso aí...
    personalidadeinfiel.blogspot.com

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts relacionados