Caso alguma imagem do blog não esteja aparecendo, por favor, avise nos comentários da postagem em questão!

17/05/2013

Blog em Equipe: será que vale a pena?

Hoje seria dia da coluna de Língua Portuguesa, mas eu já havia pensado em outro assunto para publicar, que acabou não rolando. Resumindo: resolvi trocar o tema porque acabei não pesquisando nada para hoje... fazer o quê?
Eu posso não ter experiência no tocante de blogar em equipe; todavia, tenho observado o comportamento de algumas blogueiras, que me fizeram refletir: "Poxa vida, será que abrir uma equipe para o blog é algo realmente vantajoso para ambas as partes?". Falarei nesta postagens sobre alguns aspectos que considero importantes, espero que meu texto ajude aquelas blogueiras que ainda não se decidiram se querem para o seu blog uma equipe, ou não.

Blog em Equipe: será que vale a pena?

Virou moda na blogosfera, fulano fala que não está mais podendo postar por problemas pessoais. O que faz? Abre as famosas "vagas para equipe". Já vi pelo menos uma dezena de casos assim. E também já vi uma boa quantidade de blogs em que essa estratégia não "funfou" muito bem...
Antes de sair convidando o mundo inteiro para fazer postagens no seu cantinho, e acabar se achando um "saco de lixo" porque não conseguiu, acredito que o blogueiro precisa se perguntar: "O que o meu blog tem a oferecer?". Pense bem, fazer um blog é algo gratuito, não é necessária nenhuma qualificação especial para criar um diário virtual,  você não precisa achar uma entrada para a blogosfera dentro de um guarda-roupa nem nada parecido. O que faria, então, uma pessoa blogar em um blog que não é exclusivamente seu? A resposta é simples: visibilidade. Não vai me dizer que você adoraria passar horas escrevendo um texto para ser publicado num lugar que não vai ter nenhum acesso e nem comentários? Claro que não, seria (perdoem-me a palavra) idiotice. Então anote aí a primeira coisa que seu blog precisa ter para ter uma equipe: uma boa quantidade de leitores.
Agora vamos imaginar que você tem um blog maneiro, que recebe um milhão de visitas por dia. Você abre vagas para equipe, consegue alguns interesseiros postadores e tudo mais. Pensa que seus problemas acabaram por aí? Claro que não!
Primeiro que você precisará estar eternamente atenta ao que cada um anda postando. Depois você vai ter que ficar bancando a babá, falando assim: "Não se esquece de blogar não ciclano, nosso blog está tão parado...". Pode crer, conseguir pessoas que se dispunham a ficar postando sem que você peça é muito difícil, você vai ter muita sorte se encontrar alguém prestativo. Sem contar que a euforia vai esfriar, mais cedo ou mais tarde, e os postadores vão perder o interesse em blogar. Pense bem nisso antes de decidir abrir uma equipe ou não!

Postadores ou escravos?

A escravidão acabou em 1888. Se a Princesa Isabel ainda estivesse viva hoje em dia, certamente quereria cometer suicídio ao ver o que acontece pela "blogosfera da vida".
Essa "escravidão blogosférica" acontece quando o "blogueirinho da Silva" resolve colocar aquela equipe super prestativa pra trabalhar e... simplesmente evapora, PUF!
Se você que quer uma equipe para o seu blog e acha que não vai conseguir mais entrar para publicar algo, nem que seja uma vez só na semana, é melhor abandonar o blog de vez. Fala sério, colocar pessoas para fazer o seu trabalho sendo que nem elas não recebem nem um "parabéns" em troca? Acho que o mundo virtual precisa de um "Sindicato dos Postadores" ou algo parecido para abolir essa "parada".

O que eu posso fazer, então?

O primeiro conselho que dou a quem pensa em abrir uma equipe é: antes de fazer isso, tenha certeza de que esta é a única opção. Tente antes outras estratégias, veja se você não consegue, por exemplo, programar umas postagens com antecedência.
Agora, se você precisa meeeesmo de ajuda, acredito que o melhor seja contatar pessoas conhecidas, amigos seus da vida real. Assim você terá a certeza (ou não) de que são pessoas confiáveis, que não vão lhe deixar a "ver navios".
No caso de precisar de ajuda de gente que você não conhece, investigue bem como é o estilo da pessoa. Se ela tiver um blog, olhe cada detalhe. Veja bem se é mesmo o tipo de blogueiro que será capaz de acrescentar alguma coisa ao seu espaço.
O que estou falando aqui não é para desanimar você, minha intenção é lhe fazer refletir, pensar bem antes de embarcar em uma furada. Se você tem vontade de abrir uma equipe, faça isso. Entretanto, tenha em mente que há grandes chances de dar errado. Se der certo, nem que seja só um pouquinho, já é lucro.

Espero que meu texto tenha ajudado alguém. Desejo sucesso para o seu blog, com ou sem equipe!!!

Beijinhos Alados,
3 Comentários
Comentários

3 comentários:

  1. Nossa, eu tive vontade de falar sobre esse assunto no blog. Mas, não sei me expressar muito bem. Então, fiquei com receio de não passar a minha opinião de maneira adequada.
    Pois, eu não sou muito amiga dessa ideia.
    'Na maioria' das vezes, o blog acaba perdendo sua essência.
    E pensando como uma leitora, quando visitamos o blog de fulano com frequência, é porque nos 'interessamos pelos posts de fulano'. Quando o blog é pessoal, fica mais complicado ainda. Sinceramente, fica difícil entender a razão de ter colaboradores em um blog que deveria ser apenas de uma pessoa.
    Normalmente, eu perco o interesse. Que fique claro que não é porque eu quero. Apenas acontece.
    Pois, como você disse acima. A euforia acaba.
    Eu prefiro que o blogueiro poste pelo menos uma vez ao mês, do que ter uma equipe. (No caso dos blogs pessoais).
    Agora, se é um blog com um conteúdo variado. Onde é preciso uma equipe para dar certo. Cada um fala sobre um determinado assunto, aí sim! Funciona!
    Então, depende muito do blog, do conteúdo e do objetivo do blog. Acho que o blogueiro deve pensar muito bem antes de se decidir. Pois, dependendo da situação, abrir vagas para uma equipe, pode não ser uma decisão sábia.

    Parabéns, pelo post! :)
    Beijos:*

    ResponderExcluir
  2. Abrir vaga para equipe do blog deve ser uma decisão muito pensada porque ninguém quer ficar horas trabalhando no blog de outra pessoa e receber só visibilidade. Eu não gosto quando um blog tem uma equipe porque acaba perdendo o que me levou a gostar daquele blog e que não foi os colaboradores e sim a pessoa que criou aquele blog. Realmente a princesa Isabel iria ficar espantada coma quantidade de pessoas que são escravas hoje em dia. E talvez essas pessoas nem percebam que estão sendo escravizadas. Bjus e bom final de semana!

    ResponderExcluir
  3. Eu até gostaria de ter uma equipe, cada membro da equipe cuidando de um tipo de sessão do blog. Mas aí, creio eu, tem que ser algo quase profissional, com cada membro sabendo bem do que vai escrever.Tem culinária? Não adianta uma pessoa só pra postar receitas ou dicas de cozinha se ela não for boa nisso, porque pra postar receita que só copia de outras na internet, sem acrescentar nada ou fazer fotos ou vídeos do processo culinário dela, não adianta. Qualquer um pode fazer, inclusive o dono do blog, mesmo que ele não saiba cozinhar.

    Eu gostaria muito de ter pessoas de vários estados do Brasil (e até de outros países) que fizessem posts sobre seus estados, curiosidades dos lugares onde moram, mas queria gente que tivesse prazer nisso, que se animasse em tirar fotos, citar endereços... Mas pra isso, só sendo muito social pra fazer amigos online que curtam colaborar( e eu não sou muito social, é fato)ou tenho um blog que fature pra poder remunerar os membros da equipe.

    De qualquer forma, tendo equipe ou blogando sozinho, bom mesmo é investir em material próprio porque trabalhar só com material via google já tá muito 'maria-vai-com-as-outros'

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts relacionados