Caso alguma imagem do blog não esteja aparecendo, por favor, avise nos comentários da postagem em questão!

17/03/2013

Seja bem-vindo Papa Francisco!

Depois de tanta gente falando sobre a escolha do Papa Francisco (principalmente de gente que acha que sabe de tudo da Igreja Católica mas que, na verdade, não sabe coisíssima nenhuma), tive sérias dúvidas se realmente faria esta postagem. Cheguei a conclusão que sim, devo fazer. Existem coisas que precisam ser ditas.
Primeiro, fiquei imensamente feliz pelo fato de que foi comprovado de que a escolha da Igreja nada tem a ver com a opinião leiga (inclui-se aqui também a opinião da mídia). Segundo, me encantei com o exemplo de humildade e com o carisma do Papa Francisco, certamente é um pastor exemplar.
Agora gostaria muito que a imprensa pudesse deixar a Igreja em paz ao menos um pouquinho. Precisa parar, principalmente, com esta história de que "a Igreja precisa mudar, fazer reformas drásticas". Gente, a Igreja não pode ficar se adaptando à vontade do mundo, Ela segue os ensinamentos de Jesus Cristo não as vontades de fulano ou ciclano. Quem estiver incomodado, que funde sua própria religião, oras!
Mas o que realmente me incomoda é que hoje em dia espalhou-se a ideia de que ser contra a Igreja Católica é coisa de gente moderna, evoluída; de que quando a Igreja proclama alguma coisa o certo é criticar a decisão. Na minha opinião, o ato de criticar qualquer religião, seja ela qual for, é coisa de gente ignorante. Antes de falar de qualquer assunto ligado à crença alheia, estude teologia, encontre fundamentos válidos para sua tese, e só depois abra a sua boca para falar algo a respeito. Sinceramente, falar mal sem conhecer nem uma vírgula de uma Igreja que tem dois milênios de sabedoria acumulada, para mim não passa de burrice.
Mas deixando um pouco de lado os seres não-pensantes que querem julgar a religião alheia, estamos todos rezando pelo atual sucessor de Pedro, que este possa ser apenas o primeiro ano de um papado exemplar e repleto de bons frutos. Espero que o exemplo do Papa Francisco possa ser seguido por muitas pessoas no mundo e que seus atos possam levar muitas almas para o Céu. Que Deus e Nossa Senhora continuem sempre abençoando e intercedendo por ele.

Desculpe-me se fui indelicada demais, é que esse assunto me revolta um pouco, e nem tão cedo serei santa... Hehehe...

Ah, qualquer comentário com críticas infundadas serão imediatamente deletados. Depois não venha com mimimimi dizendo que eu não avisei; pois hoje só estou "Sonho de Menina" (meu lado "Doce" está de férias por hora).

Que Deus nos abençoe!!!
2 Comentários
Comentários

2 comentários:

  1. Minha mãe está encantada com o Papa...que o anterior não nos leia, mas ela não gostava dele :)

    Depois do primeiro 'ai, é argentino?!', eu confesso que simpatizei com ele, acertei na escolha do nome, Francisco, e gostei dele tirar um pouco daquela ostentação em cima do visual do Papa.

    Em relação a isso de muita gente querer mudanças drásticas na igreja pra 'acompanhar os tempos e o comportamento dos seus fiéis', ah, vá...Povo quer fazer o que quer e não quer é correr o risco de ser julgado por Deus se ele realmente existir, no meu blog eu até falei sobre o tal controle de natalidade entre os casais que eu acredito que a igreja poderia sim rever, mas também acho que tem gente que confunde religião com justiça, como no caso do casamento gay. Não acho que uma igreja que fundamenta o casamento numa união entre um homem e mulher pra terem filhos e constituir família tenha que liberar os padres para realizarem casamentos homossexuais. Sou contra a união homossexual? Nunca, pelo contrário: acho que o amor é lindo, que tem muito pai+mãe+filho que fazem famílias infelizes e mau caráter e que família feliz com valores dignos pode sim ter dois pais ou duas mães, mas é uma união para a justiça garantir a legalidade dela e os direitos de cada um dentro dela... Quem acredita em Deus, vai sentir que ele abençoa, embora a igreja não, porque uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa...
    Creio que as pessoas perdem muito tempo travando certas batalhas que são mais ideológicas do que práticas. Em algumas situações ideologia é só perda de energia...A que saber distingui-las.

    E aí, certa 'indelicadeza' foi boa pra vc? Embora eu tenha achado que vc nem foi tão indelicada assim :)
    As vezes ser indelicada nos dá uma sensação de liberdade, mas é preciso exercitar pois no começo pode dar uma sensação de culpa rs

    ResponderExcluir
  2. Oiii =)

    Estou aqui para avisar que o My Magic place agora tem uma página no facebook *-*

    Vai lá no blog e curte se puder? ><
    Agradeço desde já ;)

    minhas-confissoes-2012.blogspot.com

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts relacionados