Caso alguma imagem do blog não esteja aparecendo, por favor, avise nos comentários da postagem em questão!

24/12/2012

Já é Véspera (de novo)...

Minha professora de matemática da sétima série (sim, era série, não ano) fez uma coisa que agora vou usar aqui no blog todo ano nessa data. Quando estudávamos geometria, ela disse que repetiria a mesma pergunta em toda prova até que todos acertassem quais eram os catetos e qual era a hipotenusa. E em toda prova lá estava a pergunta: ora pedindo para achar a hipotenusa, ora para achar os catetos. Eu achei interessante, até mesmo na época. Mas o que isso tem a ver com esse Natal?
Esse é o segundo Natal que passamos juntos. E ano passado, no dia 24, eu disse a mesma coisa que direi hoje. E, assim como minha professora, não me importo de repetir a mesma coisa todo ano (com outras palavras, é claro!) enquanto isso ainda me incomodar.Muita gente reclama do Papai Noel, dizendo que ele está usurpando o Natal de Jesus. Eu não considero o Papai Noel uma ameaça. Ele é uma lenda, uma história, só isso. O que me incomoda realmente é aquilo que o tomou como símbolo: o comércio.
Pessoas passam esses dias se preocupando com trocentas coisas superficiais: a roupa que vão vestir tem de ser melhor do que os outros estiverem vestindo, seu presente tem de ser o presente mais caro, a ceia tem de ser um verdadeiro banquete. Me digam, do que isso vale? O que sua roupa pode acrescentar à sua vida? Será que seu presente será mesmo inesquecível para a pessoa presenteada? Será que a ceia farta vai te sentir bem nos dias seguintes?
Nesse ponto, vou falar com todos – aqueles que acreditam em Jesus e também os que não acreditam –; ao invés de se importar apenas com a aparência, por que não tentar apenas por um dia cuidar de sua beleza interior? Por que não surpreender a pessoa que você ama com algo que vai mexer com o CORAÇÃO dela e não com o seu bolso? É muito bom comer aquilo que não podemos comer no resto do ano, eu concordo. Mas por que não reservar um pouco para aquele que não tem tanto quanto você? Nem precisa ser um desconhecido, convide um amigo que você sabe que precisa de um pouco mais de alegria.
Agora, se você (como eu) acredita e ADORA Jesus (no sentido mais sublime da palavra adorar), tente não se esquecer dele. Faça desse dia apenas o primeiro de uma vida inteira em Cristo. Por que não deixar que, ao nascer Jesus, você também renasça para uma vida mais próxima à Ele?

Ah, passe também na postagem de véspera do ano passado, pois lá tem umas informações bem úteis. Clique aqui para ler o texto na íntegra.

Amanhã vou dar o Presente de Natal de vocês e na quarta-feira teremos Capas para Face de Ano Novo, não percam!!!

Desde já, desejo um Feliz Natal (com muito juízo, viu?)!!!

P.S.: Certamente não vai dar tempo para eu passar nos blogs de todo mundo, então sintam-se abraçados e (por favor) não fiquem com raiva de mim!!!
5 Comentários
Comentários

5 comentários:

  1. Que texto lindo, muito inspirador.
    Um natal com muita alegria e paz pra vc. Bjus!!!

    galerafashion.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também achei o texto lindo,as pessoas tem que esquecer um pouco da party e lembrar do significado dela.
      Beijoos e Feliz natal!

      Excluir
  2. Eu acho que vale mesmo é a compainha da familia e esperar a chegadaa de deus que é histórico em nossas vidas.

    ResponderExcluir
  3. feliz natal Sheila!!! é bem provavel que eu não fique em casa amanhã, então já desejo de uma vez hahahah

    Abraços!

    ResponderExcluir
  4. Realmente isso é tudo que pensamos, sempre esquecemos o que de verdade significa Natal.
    http://srta-juliablog.blogspot.com

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts relacionados