Caso alguma imagem do blog não esteja aparecendo, por favor, avise nos comentários da postagem em questão!

28/09/2012

Papo DSM V - Amizade Virtual + Próximo tema!!!

Chegou o dia desse quadro que acabou virando um dos meus preferidos!!! Gente, eu estou tão feliz com ele, preciso começar a anotar uns temas para que eu possa continuar com ele por muitas e muitas semanas...
Eu já havia falado de Amizade Virtual duas vezes, mas me deu uma baita vontade de falar mais à fundo e saber o que vocês acham também. Uma curiosa patológica como eu não se aguenta.
Quero ver todo mundo opinando no assunto de hoje, que vou colocar no final da postagem!!! Peço que todos aproveitem para participar, mesmo que com uma opinião mais simples.
É importante ressaltar que só aceito opiniões a partir de agora do tema NOVO, ok???

Papo DSM V - Amizade Virtual:

É difícil encontrar hoje em dia quem nunca tenha tido um amigo virtual, nem que por acaso. Eu me arrisco a dizer que sou um pouco romântica nesse assunto, mesmo que tenha uma natureza tremendamente desconfiada... Daqui a pouco explico isso melhor.
O fato é que muitos acreditam, outros duvidam que uma pessoa possa gostar de outra mesmo sem conhecê-la de fato. Mesmo assim, a amizade virtual é algo que pode ter seu lado bom e seu lado ruim, como todas as coisas na vida. Vamos saber o que eu e minhas leitoras do meu coração acham sobre isso???

Minha Opinião

A pessoa por trás do monitor:

Existe uma razão para eu sempre estar fazendo entrevistas e falando de curiosidades sobre mim, a verdade é que gosto de conhecer a pessoa que comanda a máquina.
Nesse quesito, devo informar a vocês que eu sou exatamente como sou aqui no blog e no Face, uma garota nerd (sim, tenho que admitir que sou nerd) que ama ler, desenhar, escrever, conversar, que vai à Igreja Católica Apostólica Romana (#TamoJuntoPapa!), que procura respeitar a tudo e a todos e detesta qualquer forma de preconceito. Não sei ser diferente, não sei tratar os outros de outra forma.
Por outro lado, existem pessoas que se aproveitam da impunidade do mundo virtual para se mascarar e ser outra pessoa, a fim de enganar e se aproveitar de mentes ingênuas. Isso é real e temos de estar atentos para que isso não aconteça.
Eu posso até ser uma pessoa que faz amizade fácil, que logo arranja um espacinho no coração para colocar todo mundo, mas sou desconfiada até a raiz dos cabelos. Eu sei: é paradoxal, eu sou uma menina paradoxal... Hehehe...
Acho que mesmo conhecendo uma pessoa muito bem na Internet, nunca marcaria um encontro para conhecê-la. Não só pelo fato de que temo que se conhecesse alguém do mundo virtual face-a-face poderia estragar tudo, mas também porque zelo pela minha segurança. Nunca coloquei meu telefone, endereço ou dados parecidos no mundo on-line e não trocaria nem com os mais íntimos. A única coisa que digo é que moro no Rio. O Rio é grande, não tem como saber exatamente onde estou.

Amizade Virtual existe?

Eu acredito que sim. Se você quiser conhecer minha linda e emocionante (#Exagerada) história de amizade, pode saber tudo sobre isso nesse link. Acho que tudo depende das partes envolvidas, se houver sinceridade, a amizade surgirá.
Mas como saber se a pessoa está sendo ela mesma se nunca nos encontramos? Bom, em defesa das amizades pela net devo dizer que tem muita gente no mundo real que está aí do nosso lado, olhando no nosso olho, mas ainda assim é falsa e finge ser o que não é.
Tenho também uma amiga real que virou virtual (a única que fala comigo tempo suficiente) que é a Juliana Marques do Meu Inexplicável Mundo. Eu costumava conversar com ela todo dia antes da escola, isso por quatro anos. Acho que é o suficiente para se conhecer bastante, não é??? Sem falar que vez ou outra eu falava com ela no intervalo (eu geralmente ficava na sala no intervalo, e ela também) e tinham dias de antes ou depois de feriado que ninguém mais ia mas nós duas íamos... Tiveram alguns dias bem legais, mas com o tempo fui ficando cansada de ir quando ninguém ia.
Enfim, me amarro na Ju, minha flor, e continuo falando com ela pela net. Sinto saudades de conversar cara-a-cara, mas quando leio o que ela escreve, vejo um pouco dela em cada linha.
Queria que mais dos meus amigos tivessem o mesmo contato, mas a grande maioria mal entra na net, quanto mais fala comigo... Eu entendo.

Tenha muito cuidado:

Vou terminar minha opinião com um alerta para vocês, minhas leitoras, principalmente para as que tem menos de 18: tenham muito cuidado!!! Como diz o Olho-Tonto: VIGILÂNCIA CONSTANTE!!! Não confie se a pessoa pedir para você dar dados pessoais, veja como essa pessoa interage com os outros usuários da rede social, procure saber se ela esta sendo verdadeiras. E principalmente: meninas tenham muito cuidado com homens mais velhos. Na dúvida, o melhor é não dar papo para nenhum.
Sei que hoje minha opinião ficou um pouco menor do que o normal, mas é que eu enrolei tanto antes de fazer o post de hoje que acho que não dá mais tempo de falar de outras coisas... Mas escrevi com o coração (e com os dedos) e é isso o que importa!!!

Opinião dos Leitores:


Tainara - 13 anos
Blog: Apenas uma Otome

"Eu nunca fui de ficar muito tempo no pc... Até criar contas em umas trocentas redes sociais. Dentro de cada uma delas eu fui conhecendo pessoas. Algumas meio arrogantes e tal mas a grande maioria, pelo menos para mim, foi super gentil. Tenho muitos amigos virtuais e às vezes eles até me entendem melhor do que os da realidade. Por que isso acontece? Bem, por que quando você vai conhecer uma pessoa você procura saber seus gostos, se concordam e/ou discordam em algo e se ambas tem algo em comum, a maioria das pessoas às vezes quer ter um amigo virtual para desabafar, algo que com os amigos de verdade pode não dar muito certo. Quando se percebe que as duas pessoas já se conhecem bastante começam a falar mais um pouco dos segredos, de suas vidas e um pouco mais. Normalmente se adicionam como amigos em vários outros meios de comunicação via internet como o Facebook, MSN entre outros. Se eu tenho amigos virtuais?? Eu diria que meus amigos são virtuais XD é que as pessoas que conheço na real não tem tanta afinidade com a gente, às vezes pode ter, mas considero mais como colegas ao invés de amigos. Eu tenho até mais amigos virtuais do que colegas na vida real. A amizade virtual possui seus dois lados, um negativo pois você esta conversando com um desconhecido e pode chegar a ser meio perigoso (principalmente aos olhos de nossas mães que, segundo elas, nossos amigos virtuais são pedófilos, assassinos e psicopatas com um plano para nos sequestrar e nos passar dessa para a melhor...), mas também tem seu lado positivo, como por exemplo: conhecer uma pessoa que talvez possa se tornar muito importante em sua vida, conhecer pessoas com seus gostos aumentando seu ânimo, além de ser muito divertido ter um amigo virtual com o qual se pode compartilhar várias coisas =D
Eu não acho que se duas ou mais pessoas que se conhecem apenas na net podem acabar não sendo mais amigas quando se encontram na vida real. Na verdade, isso é exatamente o oposto. Todo bom amigo virtual sonha em um dia conhecer seus conhecidos da net na realidade e fazer tudo aquilo que um dia eles planejaram. Acho que isso dá até mais certo do que conhecer uma pessoa na vida real direto, porque você se sente mais liberto na net e ganha muito mais afinidade, quando se conhecem na vida real podem até virar amigos inseparáveis. Mas é ai que tá um problema com o qual muitos amigos virtuais precisam passar: a distância.
Ah, se seu amigo morasse um pouco mais perto, no seu bairro, cidade, estado ou até país ou continente. Pra se ter uma ideia eu moro em São Paulo, capital. Eu conheci pessoas do Nordeste (Paraíba, Rio Grande do Norte, Pernambuco), do Sul (Santa Catarina), alguns aqui um pouco mais perto no Sudeste (Rio de Janeiro e até e uma cidade próxima a minha!! Eu e a minha amiga queremos muito nos conhecer, ela mora na cidade vizinha a minha =)) e até tenho amigos em outros países, como é o caso da minha Portuguesinha linda hehe, nós ainda estamos planejando uma visitar a outra, quando eu fizer um tour na Europa eu passo lá na casa dela XD. Essa distância pode corroer qualquer um, imagina a pessoa mais "próxima" de você esta tão "distante", mas também pode até ser que seja melhor pois ai sua amizade cresce ainda mais e a distância faz com que os amigos queiram se ver ainda mais.

Acho que todos deveriam ter no minimo um amigo virtual, faz um bem danado pra alma mas também tem que se ter moderação e ficar de olho nas várias armadilhas que encontramos pelo caminho.
Enquanto isso ainda espero conhecer meus amigos virtuais pessoalmente, mas por enquanto só nos sonhos malucos que tenho em que fazemos tudo o que queremos".


Kaká - 11 anos
Blog: Magicamente Inexplicável

"Bom, é muito ruim porque a gente não sabe quem é, ele começa perguntar coisas, a foto é um desenho, o nome de uma menina ou menino. Isso já aconteceu comigo, eu estava no Orkut e entrei no aplicativo chat,comecei a conversar com um homem, ele me elogiou bastante, porque para minha idade eu escrevia muito bem, fiquei muito feliz e continuei falando com ele, até que a minha tia chata me salvou, olhou o que eu estava fazendo e abriu o bocão para vó, agora eu só posso entrar no computador quando a vó está na cozinha, mas agora ela deixa eu ficar um pouco sozinha no pc, depois daquilo aprendi a lição e nunca mais vou fazer, já que eu sou tão ingenua, acredito em tudo"!

Alice Aguiar - 24 anos
Blog: Seguindo o coelho branco


"Bom, eu já acreditei muito em amizade virtual, mas hoje em dia fico com o pé atrás, viu. Eu já sofri demais com isso.
Eu considerava a pessoa, ela vivia me mandado SMS, tinha um grupo fechado no Facebook com mais dois amigos e tudo mais, agora só porque eu não queria fazer uma video chamada por causa da minha Internet a pessoa parou de falar comigo e me excluiu de tudo. Então esse é um dos exemplos, ai eu paro e penso: como eu fui burra.
Eu penso que a pessoa é minha amiga e do nada ela acha que nossa amizade não vale nada e joga fora como se fosse nada. 
Então eu acho que existe, só que é muito raro, pelo menos é raro uma de verdade, porque às vezes confundimos amizade com coleguismo".

Marina - 16 anos
Blog: Ler, imaginar e criar

"Pra mim, as amizades virtuais não são tão ruins, já tive vários amigos virtuais. Mas é preciso tomar cuidado. A gente não pode confiar em qualquer um, ainda mais na internet. A amizade virtual tem seu lado bom, que é conhecer gente nova e que tem as mesmas opiniões que a nossa. Mas também tem o lado ruim que é conhecer gente aproveitadora, e esse tipo de coisa.
Acho que se a pessoa conhecer o amigo pessoalmente, a amizade vai esfriar (pelo menos aconteceria comigo - eu acho). As pessoas nunca são exatamente o que a gente pensa, e talvez encontrar com alguém que você conhecia só pela internet não seja tão bom....
Eu já tive uma amiga real que virou virtual, moramos na mesma cidade, mas como ela mora bem longe de mim, a gente foi se afastando e começamos a conversar só pela internet.
Sobre as amizades virtuais, acho que a gente não deve se apegar tanto a uma pessoa como se apega a um amigo "offline". A amizade pode ser duas vezes mais verdadeira, mas por causa da distância, sempre vai ter aquele "queria que você estivesse aqui pra gente conversar"; E isso acaba gerando uma tristeza, que para mim não é coisa boa.
Amizade virtual pode até ser legal, mas com um pouco de cuidado, nem todo mundo é o que diz ser ^^"


Rosane -15 anos
Blog: Blogbomd+

"Bom, eu ouvi uma frase uma vez que internet é terra de ninguém e nessa terra de desconhecidos, as pessoas acabam se tornando mais íntimos do que nunca. Às vezes é preciso apenas uma conversa para que duas pessoas se tornem amigas, mas a grande questão é: será que uma amizade em que nenhum dos dois se conhecem vai dar certo? Bem eu não sei, pode até dar por uma questão de afinidade ou sei-lá o que, ou pode não dar certo afinal você só conhece aquela pessoa por uma rede social, só fala com ela através de um chat, e se um dia esses amigos se conhecerem, ficarem face a face, falarem olho no olho, será que a amizade vai continuar a mesma?Eu acho que talvez, sim talvez, por que você vai conhecer melhor esse amigo(a), falar com ele de perto saber como ele é, e isso pode influenciar em nossas opiniões sobre esse amigo que só conhecíamos através de uma tela. E para finalizar eu acho que amizades virtuais podem sim dar certo, eu tenho amigas virtuas que eu conheci a muito tempo atrás que são minhas amigas até hoje, mas também é preciso tomar cuidado, pois nunca sabemos quem está do outro lado. :)"

Pricila - 23 anos
Blog: Metamorfose Paralela

"Amizade? Começo por dizer que amigos tem coisas em comum, compartilham momentos, histórias e até segredos, amizade é um "amor" sem cobranças, um relacionamento onde sinceridade e transparência vem em primeiro lugar. E amizades verdadeiras nascem de onde menos se espera. E digo isso por que quantos de nós já tivemos decepções com os "amigos" que estiveram ali a vida toda, mas quando mais precisamos desapareceram... e nesse momento aquele à quem nunca demos valor se mostrou firme ao nosso lado. Pois é, ai está à questão, como é possível ter um amigo que não vai estar ao seu lado quando "cair e machucar o joelho" pra te dar a mão ajudar levantar? Como ter um amigo que não poderá secar suas lágrimas nem te puxar as orelhas quando você estiver errado? Como manter uma amizade baseada em sinceridade e verdade sem olhar nos olhos do outro? Como?
Não sei responder, mas sei que é possível sim!
Eu vivo uma amizade assim há alguns anos, amizade forte que pode ser sentida mesmo que na distância... Que não precisa do toque da presença física ou da voz para ser compreendida! Que com letras e imagens em uma tela 17 polegadas se fortificou a cada novo dia! E que começou do nada.
Vou dizer que existe sim aquele momento em que você para e pensa, que poderiam estar juntos contando de perto tudo que vivem, mas ai me lembro do por que essa minha amizade é tão verdadeira...
Por que ela não é baseada em interesses, não conhecia a pessoa do outro lado do país, nunca vi seu rosto nem ouvi sua voz, não havia nada que eu precisasse lhe pedir, e gratuitamente fomos trocando histórias, momentos difíceis em que um pode apoiar o outro mesmo que com palavras, e assim solidificamos um sentimento lindo e único.
Amigos "ao vivo" são importantes, mas hoje posso dizer que não tenho nenhum, aqueles com quem convivi a vida toda são amigos sim, eternos e que quando nos vemos nada mudou parece que ontem mesmo demos adeus ali no portão... Mas hoje as nossas vidas nos impedem de ter a presença um do outro, então eles acabaram se tornando amigos virtuais também, pois com todas as redes sociais é só lá que nos encontramos. Eu ainda não conheci meus amigos virtuais, já falei por telefone, já vi na webcam, mas nunca nos vimos pessoalmente então não sei se a amizade enfraquece, mas acredito que o que é verdadeiro não muda por mais distante, ou mais tempo que passe!
A única coisa em que eu acho um problema de ter amigos on-line é quando eu preciso urgentemente de um abraço forte e o máximo que tenho é um encostar a cabeça na tela do computador, rsrsrs e olhe que mesmo simbolicamente alguns abraços imaginários já curaram muitas lágrimas que deixei cair! Enfim era isso, acho que hoje não me estendi muito! Acredito sim nessa nova modalidade de amigos, e cultivo alguns com muito amor"!


Próximo tema:

Agora vamos saber qual é o assunto que nós vamos discutir de  hoje até sexta-feira que vem. Antes de apresentar o tema, vou lembrar a vocês o que é o "Papo DSM" e como você participará dele. Clique em "Leia Mais" para saber.
O "Papo DSM" nada mais é do que divulgar a opinião de quem passa por aqui sobre determinado assunto. Hoje irei um tema e vocês terão até quinta-feira que vem para preparar suas respostas e deixar num comentário. Semana que vem eu publicarei todas, com seus nomes e idades e apresentarei o segundo tema. Simples, não?
A minha opinião pessoal vocês só verão semana que vem, para que ninguém se sinta influenciado por ela.

Como participar?

Deixe aqui nesta postagem um comentário contendo os seguintes dados:
Seu nome:
Sua Idade:
Opinião:
Caso você comente com seu perfil do Blogger, pegarei a imagem de seu perfil para ilustrar a opinião. Se não quiser que eu não coloque a foto do perfil, é só avisar no comentário ou comentar por Nome/URL.
Se preferir (ou se sua opinião estiver muito extensa) mande sua opinião por e-mail, pelo nosso formulário de Contato. Mas deixe aqui um comentário avisando que mandou o e-mail (para que depois eu possa pegar seu avatar e o endereço do seu blog.
Só é permitida uma opinião por pessoa.
Não postarei nenhuma opinião preconceituosa, pornográfica ou que desrespeite pessoas ou entidades. Quaisquer críticas deverão ser feitas com cuidado, sem agredir nada e ninguém.

Papo DSM VI -Minhas manias:

Sabe qual é o melhor jeito de saber até que ponto uma pessoa é estranha? Conhecendo suas manias!!! Eu ia falar de política, por causa da proximidade das eleições, mas como é um assunto que me trás o tédio bucólico mais soporífero que existe, vi que seria melhor falar de algo mais legal, algo que todos pudessem opinar.
Você tem alguma mania? E manias estranhas, tem ou já teve? Conhece alguém que tem uma mania que é simplesmente inacreditável? Comente o que você quiser, com toda a sinceridade. É importante que vocês se expressem o máximo que conseguirem.

Como eu disse, semana que vem postarei todos os comentários junto com a minha opinião pessoal (postem apenas sobre "Minhas manias", o outro papo está encerrado!!!). Não perca tempo, participe!!!

Veja também:
Papo DSM I - As gigantes da TV aberta
Papo DSM II - Cyberbulling (Facebullying)
Papo DSM III - Sou/fui fã de...
Papo DSM IV - Sou brasileira(o) e amo isso!!!

Mil Sweetkisses,
9 Comentários
Comentários

9 comentários:

  1. Nossa, mania é o que não falta em mim. Em mim e em todos que conheço. Acho que a minha maior mania e ficar roendo tudo, lápis, borracha, unhas e até as cadeiras de madeira não escapam! Acho que isso se deve ao fato de eu nunca ter ido no dentista e os meus dentes são muuuito afiados (quando mordo a linguá então...)e não é nem os caninos, eles são de menos, são os molares mesmo. Ai eu fico roendo tudo feito um castor '-'
    Uma outra mania minha é ficar com o braço em cima da cabeça quando eu estou usando o computador, sei la o que me da as vezes nem percebo. Eu também não consigo parar quieta, quando deito eu demoro umas 2 horas só para parar de me mexer e dormir. Eu também não consigo chamar minha irmã pelo nome. Desde que era bebê ela fazia uma brincadeira chamada "Cadê a Dedé?" XD e eu me acostumei a chamar ela de Dé, não consigo chamar ela de Daiane, só de Dé.
    Minha mãe tem mania de tirar foto, pode até ser que eu tenha caído e esteja sangrando mas ela ainda vai estar com uma câmera na mão esperando para registrar cada fato e postar no Facebook '-', ela também tem uma mania danada de me comparar com as meninas do Nordeste que, segundo ela, já sabem cozinhar desde os 6 anos.
    Minha irmã tem uma mania que acho meio estranha e sempre peço para ela parar com isso. Quando ela fica empolgada, muuito feliz ou só com vontade de me bater ela coloca as duas mãos em punho encostadas na boca e faz um barulho estranho '-' ela disse que tem essa mania desde pequena, assim como também adora bater na minha cabeça como se fosse um tambor ou só impestiar a vida do meu cachorro. Ela também tem a mania de me empurrar para frente quando vê algum inseto, principalmente baratas! Uma vez nós estávamos na área da frente da nossa casa e ela viu uma joaninha, uma coisinha pequeninha e lindinha incapaz de lhe fazer algum mal. Pois não é que quando a Joaninha abriu as asas a minha irmã deu um grito e me jogou pra cima do bicho? Eu quase cai 10 metros abaixo na frente da nossa casa -.- também teve uma outra vez que estávamos na rua e ela me empurrou pra cima de uma barata. E eu tive que cair de cara em cima da barata -.-
    Meu pai quase que não tem manias, acho que só a risada dele é meio estranha pois ele ri enquanto tosse '-'

    Então acho que só... é meio dificil lembrar das manias hehe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. meu deus eu ri demais suahshuahushu seu pai ri enquanto tosse
      cara sua mae é malvada e coitada de tih caindo em cima da barata xd

      Excluir
  2. Eu acho que amizade virtual existe, eu tenho ums amigos e amigas que eu super-confio, apesar que eu numka a-o conheci, e existe siim pessoas ruiins, que vooc ja mais deve confiar, eu confio nos meus amigos virtuais, não são todos mais eu confio siiim, porem eu tenho uma amizade com a Maria Eduarda e a Gabriiella a mais de 1 ano e confio nellas siim.

    fatosdaminhavidinha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Manias ? Tenho varias!! E eu nunca percebo quando estou fazendo elas... Cada mania é pra alguma ocasião. Lá vai algumas delas:
    1. Quando estou ansiosa ou nervosa, mordo o lábio.
    2. Quando minto, pisco muitas vezes e afino a voz.
    3. Eu nunca deixo o microondas apitar.. TENHO QUE DESLIGAR pelo menos 1 segundo antes...
    4. Tenho mania de mexer as pernas quando estou sentada.
    5. Pra ver as horas, eu sempre tenho que olhar no relógio duas vezes.
    6. Quando chego da escola, a primeira coisa que eu tenho que fazer é apertar o botão pra ligar o computador. Mesmo que eu não vá usar.
    7. Só consigo dormir se a porta do quarto estiver fechada.
    Essas são só algumas delas. Conheço uma menina que antes de dormir, ela acende e apaga a luz 5 vezes pra dormir, porque se não ela não dorme. Minha mãe só dorme com a porta do quarto aberta... Meu irmão tem mania de ficar mexendo na manga da blusa. Sempre que vou conversar com ele, ou ele mexe na minha, ou na dele mesmo...

    Bom, acho que é isso ai. Beijos,

    http://distante-do-mundo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. meu nome:alice aguiar
    idade: 24 anos
    minhas manias: caramba eu tneho várias.
    vou começar por uma que eu nunca entendi, mas que hoje em dia está menos acentuada que antes. eu não tocava ou usava coisas amarelas. eu nao suporto essa cor, quando vejo aquelas faixas de tinta nas pitas eu fico possessam porque parece que se eu pisar meu pé ou sapato vai ficar amarelo em baixo e vai ficar soltando tinta.
    ok eu tenho transfornos obecessivos compulsivos.
    bom, eu nao piso em linhas, se eu ver uma rua com bloquinhos eu vou pulando e pisando nos quadrados.
    eu atravesso a faixa de pedreste pulando apenas em uma das linhas.
    se eu bater o pé ou encostrar de um jeito que eu fique sentido eu tenho que encostrar com o outro que a sensação do pé anterior some
    eu nao misturo macarrão com arroz, ou eu como com molho, ou junto com feijão, mas macarrão com arroz não.
    eu nao gosto de abrir muitos os meus livros para ler e nao deixo ninguem tocar neles, a nao ser meu marido.
    eu mordo o lábio inferior quando estou nervoso ou com vergonha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahah também não gosto que abram muito meus livros, e ninguém pode tocar neles!
      Eu tinha essa coisa de não pisar em risca, era um sufoco andar na calçada porque TUDO era risca! Ainda bem que parei ^^

      Excluir
  5. Nome: Marina
    Idade: 16
    Opinião: Tenho várias manias, algumas estranhas, outras nem tanto. A minha pior mania é a de colocar a unha nos lábios, principalmente quando passo esmalte (parei de passar por causa disso) ou quando as unhas estão geladas. A impressão que as pessoas tem é que eu "como" unha, mas na verdade eu só deixo ela encostada nos lábios mesmo. É muito feio, e as vezes eu nem percebo que estou fazendo isso.
    Um dos meus irmãos tinha uma mania muito estranha e irritante. Ele ficava dando socos no peito (?) fazendo musica com o barulho. Era simplesmente INSUPORTÁVEL. Agora ela parou com isso e começou com mais mil manias no lugar.
    Mania é uma coisa estranha, que nem vício: acaba um começa outro.

    ResponderExcluir
  6. Seu nome:Rosane
    Sua Idade:15
    Opinião: bem eu tenho várias manias, bem pra começar eu não consigo comer o pão com manteiga fechado, eu sempre tenho que arrancar as bandas e comer uma por uma, as veses eu piso nos quadradinhos no piso da rua, eu não consigo ver nada desarrumado que já quero colocar tudo certo (e quando eu digo certo eu quero dizer em linha reta) por exemplo tem uma mesinha com vários enfeites nela, se eu não arrumar tudo certinho fico agoniada, eu não consigo fazer nada por inteiro, tipo assim pra ler um livro eu demoro 1 ano por que eu não consigo terminar uma coisa eu sempre paro no meio, tem animes por exemplo que eu começo a ver, paro e começo a ver outro, eu faço muita coisas ao mesmo tempo ao por exemplo eu estudo ouvindo rádio ou assistindo tv, eu confiro uma coisa mil veses, por exemplo eu coloco um celular na bolsa, depois de alguns minutos eu tenho que conferir de novo mesmo sabendo que o celular ta lá e que eu coloquei lá, eu calso o tênis já amarrado, antes eu mordia a cabeça do lápis, ficava um horror, (nem sei como eu parei) eu gostava de morder a unha, isso mesmo eu simplesmente não roía eu mordia a unha achava bom e a unha do mindinho era meu alvo principal, e pra piorar eu as veses lascava a unha com o dente, nem sei como eu parei, e essa ultima adquiri recentemente, quando eu tenho que falar uma coisa que não sei ou quando eu fico nervosa para falar cosso a cabeça, juntamente com o poder das caspas minha cabça tem o poder de coçar quando fico nervosa pra falar.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts relacionados