Caso alguma imagem do blog não esteja aparecendo, por favor, avise nos comentários da postagem em questão!

22/05/2012

Livro - O Ateneu + Fundos (backgrounds) de estampa "Liberty"

Hoje, junto com minha opinião sobre o livro "O Ateneu", que acabei de ler, eu ia compartilhar algumas curiosidades sobre mim com vocês. Quando entrei na net hoje (hoje pra mim é segunda, estou programando a postagem) e vi que os acessos andam meio baixos, pensei: é melhor colocar outra coisa, senão ninguém vai querer ler o post. Para ficar mais interessante, então, estou incluindo uns fundos prontos e hospedados da famosa estampa liberty, que fica tão linda, mas que é difícil de se achar pela net.
Queria também avisar a todos que vou começar um período de experiência com os comentários liberados da moderação (apenas do post do dia, nos outros a moderação permanece). Mas porque estou fazendo isso??? Eu tenho notado que alguns leitores tem interagido com comentários de outras pessoas, com a opção das respostas aos comentários. Como achei isso muito legal, quero experimentar os comentários liberados por um tempo. Ainda não sei se vai dar certo, se não der, volto a moderação total.

O Ateneu (Crônica de Saudades), Raul Pompéia:

Começo essa parte do post com as palavras do crítico literário Temístocles Linhares sobre o escritor do livro, Raul Pompéia "hiperemotivo, tímido, prisioneiro de si próprio e incapaz de comunicações profundas, (...) sempre se mostrou impotente para amar alguém e até para amar a si mesmo. O seu drama era esse". Essa informação eu li no final do livro, numa seção chamada "Para Entender o Ateneu", que verifiquei antes de começar a leitura. Isso me assustou, de verdade!!! Como assim "impotente para amar alguém e até para amar a si mesmo"?
A primeira vez que tentei ler o Ateneu foi quando ainda era criança. Nem preciso dizer que larguei na metade, pois era difícil demais para mim a leitura, 60% das coisas escritas eu não conseguia compreender nem com o dicionário.
Deixei o livro às moscas, até que depois de ler "A Normalista" me deu vontade de retomar a leitura. Comecei então, vagarosamente a lê-lo desde o começo. Para minha surpresa, hoje em dia consegui lê-lo com facilidade e até comecei a apreciar a linguagem. Inclusive, alguns trechos me fizeram rir, imagine só!!! Eu estou agradavelmente surpresa com esse livro, de verdade.

Design e afins:

Como o livro que li anteriormente, esse exemplar que tenho tem as letras muito pequenas, mas não tanto quanto o outro. Uma vantagem que encontrei nesse volume é que na parte de trás do livro possui um Glossário e uma seção com informações sobre o livro e o autor, que foram de grande valia para mim.

Linguagem:

Como eu disse, a linguagem dele não é muito fácil, é necessário ser um leitor mais experiente para compreender. É escrito em primeira pessoa, sob a perspectiva de Sérgio (como se fosse o registro de suas memórias de infância). Depois que eu me acostumei com a linguagem, comecei a achar certos trechos muito belos e outros bem engraçados (será que eu sou a única pessoa do mundo que riu com "O Ateneu"?). Por exemplo, tem uma frase bem engraçada perto da minha parte favorita que fala de um menino que é corredor, e diz assim: "(...) entendendo que a fuga é a expressão verdadeira da força, e a bravura uma invenção artificial dos que não podem correr". Achei engraçado também a frase "Misteriosos são no colégio os que não andam a atravancar o espaço com as gatimanhas das suas expansões", ou a descrição de um professor, mais pro final "Vi-o magro, anguloso, feio, olhando com ferocidade contínua, não se sabia felizmente para quem, porque era estrábico". E isso só para citar alguns trechos que me divertiram, tiveram muitos outros.

Enredo:

Percebi, nessa segunda leitura, que havia parado a leitura antes no ponto que a história começa a ficar interessante. O começo é bem chatinho, então quem quiser ler precisa ser persistente. Parece incrível, mas eu gostei do final!!! Sério, comparado aos outros livros que li, esse até que foi adequado.

Personagens:

Os personagens são bem estranhos, tem um caráter de duplicidade. De fato, para mim, o único personagem que eu achei mais interessante foi o Aristarco, o diretor do colégio, dos outros não gostei tanto, nem do Sérgio.

Lugar onde se passa a história:

A história inteira se passa dentro do Ateneu, apenas com pouquíssimas exceções de trechos narrados fora dele, como o do passeio dos alunos ao Jardim Botânico (um trecho que achei super divertido). No demais, o Ateneu é um lugar bem chato... Fazer o quê!!! Tenho lido muitos livros que se passam em lugares chatos.

Considerações finais:

Não recomendo o livro para quem não tem muito contato com a literatura brasileira. Mas para quem já lê bastante, vai ser uma leitura que certamente vai agregar muitas coisas, principalmente no âmbito do vocabulário. Se possível, ache uma edição com Glossário, para te ajudar a entender.
Termino aqui, com o último parágrafo do livro: "Aqui suspendo a crônica das saudades. Saudades verdadeiramente? Puras recordações, saudades talvez, se ponderarmos que o tempo é a ocasião passageira dos fatos, mas sobretudo - o funeral para sempre das horas".

Fundos de estampa "Liberty":

Vocês já devem ter notado que eu mudei o fundo do DSM do "plaid" para um fundo de estampa "liberty" super fofo. Pois é, eu gosto muito dessa pegada floral, de estampa miúda, que a moda chama de "liberty", mas nunca tinha achado na net uma que valesse a pena usar no blog.
O fato é que quando eu achava um ou não encaixava direito, ou não estava na cor que eu gostava, ou não estava no tamanho certo, ou não era tão fabuloso o quanto eu queria. Até que cansei e resolvi procurar por um que eu gostasse e depois reformei no Gimp para ficar com as cores e o tamanho certo. Foi assim que cheguei no fundo atual.
Pensando na felicidade geral de todas as blogueiras, resolvi reformar alguns backgrounds que achei no Google Imagens para que vocês possam colocar em seus blogs.
Caso você não saiba como colocá-los no seu blog, eu já tenho um tutorial pronto explicando as diferentes formas de trocar seu background, basta clicar aqui.
Vou colocar abaixo os seis primeiros, cpara usá-los basta copiar o endereço da imagem e colar o endereço no código do fundo:

https://sites.google.com/site/docesonhodemenina/bgliberty1.png
https://sites.google.com/site/docesonhodemenina/bgliberty2.png
https://sites.google.com/site/docesonhodemenina/bgliberty3.png
https://sites.google.com/site/docesonhodemenina/bgliberty4.png
https://sites.google.com/site/docesonhodemenina/bgliberty5.png
https://sites.google.com/site/docesonhodemenina/bgliberty6.png
Agora, você deve pensar "Mas não tem nenhum na cor que eu queria!". Pensando nisso, reformei seis fundos com fundo transparente, do qual ao mudar a cor do código, o fundo irá ter a cor que você escolheu. Para colocá-los no seu blog, basta entrar Modelo > HTML (caixinha branca abaixo da miniatura do seu template), clicar em qualquer lugar do HTML, apertar "Ctrl + F" no seu teclado, escrever body { e apertar a tecla "Enter". Coloque o código abaixo dentro dos colchetes de body { (se já tiver um fundo, apague o antigo e substitua pelo do código abaixo):

background: mistyrose url(URL_DO_FUNDO) repeat top center;

No lugar de mistyrose, coloque a cor escolhida em código hexadecimal (#000000, por exemplo) ou em Named Colors. Eu recomendo cores claras, como o próprio mistyrose, que é rosa claro. Também são boas cores o beige, azure, lavender, lightcyan e lemonchiffon (bege, azul clarinho, lavanda, ciano claro e verde clarinho, respectivamente). Substitua também o URL_DO_FUNDO pelo endereço da imagem escolhida.

https://sites.google.com/site/docesonhodemenina/bglibertytrans1.png
https://sites.google.com/site/docesonhodemenina/bglibertytrans2.png
https://sites.google.com/site/docesonhodemenina/bglibertytrans3.png
https://sites.google.com/site/docesonhodemenina/bglibertytrans4.png
https://sites.google.com/site/docesonhodemenina/bglibertytrans5.png
https://sites.google.com/site/docesonhodemenina/bglibertytrans6.png
Gostei muito dos fundos pois posso também usá-los como texturas nos meus desenhos... Deixa eles bem suaves, românticos... lindos, não?

Mil Sweetkisses,
 
15 Comentários
Comentários

15 comentários:

  1. Lindo!!!

    http://estilohedonico.blogspot.pt/

    xoxo

    ResponderExcluir
  2. olá florzinha (:
    amei a dica,
    tenho este livro mais nunca li ;/
    blog super fofo ;*

    me visita quando der
    http://raquelbiancaa.blogspot.com

    beijos '-']

    ResponderExcluir
  3. Ótimo post" amei o blog, muito lindo! já estou seguindo, se puder retribuir, agradeço! bjs http://imnanda.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oiii Sheilaaa,amigaaa lindaa!!!Kkkkk'
    Ahh,obrigada pelos elogios fofa,que bom que você gostou do novo lay!!Sabe que uma parte dele,eu fiz pensando em você?Imaginei "como será que a Sheila faria meu novo Design?" e aí me veio todo o visu na cabeça!Kkkk'
    Que legal,nunca li este livro!!Parece ser interessante...
    Ah,já estou participando do DSManiacs,espero que goste do meu textinho simples,fiz de todo coração!
    Também estou piraaando aqui em casa para ler o livro da Branca de Neve,minha mãe quase desmaiou de tanto que venho falando nele a semana toda!!!
    E que backgrounds lindoss,hein?Ás vezes a gente precisa de uns assim e não acha... Obrigada por postar,são maravilhosos!
    Um beijoooo flor ♥ ♥
    http://viciados-na-saga-crepusculo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Sheila muito obrigado pelo comentário. Você também tem coisas excelentes e importantes em seu site. Gosto de pessoas iguais a você! As quais tem prazer e principalmente amor em fazer diferença em outras vidas. Deus continue te abençoando!

    LOGUS & RHEMA
    www.drcarlosandrade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Li o Ateneu na epoca de adolescencia e assim como vc, também larguei, talvez um dia em volte a lê-lo, e compreende-lo!

    Bjs

    www.daimaginacaoaescrita.com

    ResponderExcluir
  7. Adorei a dica de literatura, pena que estou tão corrida comprovas na faculdade. Sem tempo de quase nada. As citações do livro são engraçadas, principalmente a que se refere à fuga.
    Não se incomode de não ter muitos leitores em alguns posts. O importante é que o DSM é lindo e, sobretudo útil.Cada vez que venho aqui apendo coisas novas. Por exemplo: acredita que amo estampas de flores miúdas e não sabia o nome? Agora sei como se chama...
    Não vá no blog da titia esta semana,porque só tem post do babado. Bem ao estilo da titia. Mas não se preocupe, pois virei aqui todos os dias, como faço sempre.
    Vou ver umas dicas legais e te passo, vice?
    Um xero meu amor, fique com Deus e muito obrigada pelo carinho.

    ResponderExcluir
  8. Ah, oi Sheila, já visito aqui há bastante tempo já KKKK-

    Obrigada pelos elogios :)_
    Bjbj, ladybugs.tk

    ResponderExcluir
  9. Nunca lí esse livro, mas pelo que percebi, se tivesse começado, teria largado a leitura, assim como você fez rs'
    Ah, você também é um amor *O*
    Eu gosto do blog, venho aqui sempre :D
    beijo

    http://vitaminadepimenta.blogspot.com.br/
    @LariCrazy_

    ResponderExcluir
  10. AHHHHHHHH que backgrounds lindoss demais!, ei ei to começando no blogger, se puder da ma olhadinha!

    http://corujaecoracao.blogspot.com.br/ bjs

    ResponderExcluir
  11. Muito lindas as estampas !

    sapoxuxu.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Já fiz a mesma coisa que vc!Mais depois me toquei que isso tava errado e tinha ser simplement eu!
    Lindos os backgrounds!Amei!
    Bj morangocom.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Obg pela visitinha...

    http://sweetcandy-sc.blogspot.com.br/

    Bjinhhos...

    ResponderExcluir
  14. NUnca ouvi falar do livro.
    Até porque estou bem desatualizada...
    Adorei as estampas, beijinhos

    http://simplescomoumclick.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Este livro é antigo, gosto de nacionais, mas esse ainda não li.

    Adorei a novidade no layout.

    Bjos,
    Cida,
    @c_i_d_a
    http://www.moonlightbooks.net/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Posts relacionados